domingo, 9 de novembro de 2008

Cinzeiro do Hospital da CUF

Hoje trago-vos uma peça extremamente interessante e rara. Este magnifico Cinzeiro do Hospital da CUF, fabrico da Vista Alegre (como se pode ver na foto 3) encontra-se em excelente estado de conservação. Observando o logótipo, verifica-se que dentro da roda dentada em vez de estar escrita a palavra LISBOA, está a palavra HOSPITAL. Relembro que o Hospital da CUF situado em Alcântara junto á Av. Infante Santo, sendo ainda um projecto da época de Alfredo da Silva, só será inaugurado em 1945, já sob a presidência de D. Manuel de Mello. Esta unidade médica servia não só todo o pessoal pertencente aos quadros da CUF e empresas associadas, como funcionava também em regime de hospital aberto aos privados que decidissem recorrer aos serviços deste hospital. Sendo reconhecido até aos dias de hoje como uma das melhores unidades médicas do país. Podemos ainda observar o carimbo da antiga Casa José Alexandre, que socumbiu ás chamas aquando do grande incêndio do Chiado em 1988. Creio que a sua nova morada é na Av. Fontes Pereira de Melo





3 comentários:

Rosa do Adro disse...

Boa tarde,
Foi com agradavel surpresa que descobri o seu blogue. Filha do barreiro e, também de uma funcionária da CUF (e sobrinha, e....) foi interessante descobrir tanta coisa que não sabia. Gostei bastante!
Felicidades
Rosa

Ricardo Ferreira disse...

Cara Rosa do Adro, muito obrigado por ter visitado o blogue, será sempre bemvinda. Esteja a vontade para deixar mensagens ou histórias. E se tiver duvidas sobre alguma coisa ou queira ver algum tema tratado nao hesite. escreva uma mensagem.

Felicidades também para si

Anônimo disse...

Se há alguma coisa em Portugal, que todos os dias, - 1950, - pode ser confirmado pela força dos factos é a obra do fomento da renovaçäo de Portugal.
Entre eles, no quadro das contínuas obras sociais surge a magnífica obra realizada pela C.U.F., ou seja a sua Colónia de Férias, construída no sítio do Pego, em Almoçageme, concelho de Sintra, destinado aos filhos dos seus operários.
A Colónia da C.U.F., que constitui uma das mais notáveis obras sociais daquela empresa, foi inaugurada no dia 10 de Agosto e tem a extensäo de 28 mil metros quadrados.
Esta iniciativa da C.U.F. é mais um exemplo a juntar a tantos outros de cooperaçäo das empresas particulares na obra social do Governo.

Era assim que em Portugal se trabalhava para o progresso da Naçäo.

Com os meus cumprimentos para Ricardo Ferreira que, pela sua iniciativa, nos faz regressar ao Passado.